Fundamentos para os estudos organizacionais: contribuições do pensamento crítico sul-americano

Conteúdo do artigo principal

Hugo Chumbita

Resumo

Diante da visão eurocêntrica dominante e da influência dos modelos das nações hegemônicas nos estudos e nas reformas da administração pública, apresenta-se outra perspectiva, baseada no pensamento crítico acerca das raízes históricas da dependência e da problemática atual das sociedades sul-americanas. O contínuo processo de ocidentalização da América, por meio da penetração colonial e neocolonial, impôs os interesses e a cultura dos países do centro do mundo, causando efeitos de refração, resistência e adaptação. As consequências desse conflito étnico estão na origem da desvalorização da ordem jurídica, da marginalidade e da anomia social. A revolução independentista continental, com reconhecimento de direitos às maiorias, foi desvirtuada pelas oligarquias, reproduzindo as desigualdades e as condições de outra forma de dependência na etapa do neocolonialismo capitalista. Os movimentos políticos nacional-populares do século XX promoveram uma consciência crítica, que teve sua contrapartida nas correntes alternativas na filosofia e nas ciências sociais, mas sofreu uma regressão diante da ofensiva neoliberal. O quadro sociocultural sul-americano mostra uma insuficiente legitimação do Estado, fatores de desordem social e disfunções na gestão do setor público; o que exige repensar o quadro teórico dos estudos organizacionais, fomentar a comunicação de experiências entre cientistas e intelectuais da região, rever os projetos de reforma inspirados em modelos exógenos e projetar novas formas de intervenção para promover a participação popular, visando ao horizonte da integração e da emancipação de nossos países.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
Chumbita, H. (2015). Fundamentos para os estudos organizacionais: contribuições do pensamento crítico sul-americano. Cadernos EBAPE.BR, 13(2), 390 a 401. Recuperado de https://periodicos.fgv.br/cadernosebape/article/view/14074
Seção
Artigos