O impacto da violência criminal urbana no preço dos imóveis residenciais na região da Tijuca, cidade do Rio de Janeiro: um estudo exploratório

Conteúdo do artigo principal

Fernando José de Lacerda Carvalho Junior
Celso Funcia Lemme

Resumo

Acompanhando a degradação ambiental e social dos grandes centros urbanos brasileiros, a questão da violência tem preocupado tanto os administradores públicos e privados, como os cidadãos em geral. Em 1998, o Banco Interamericano de Desenvolvimento calculou que os custos atribuídos à violência representavam, aproximadamente, 10,5% do PIB brasileiro. O presente estudo, de natureza exploratória, teve como objetivo estimar o impacto da violência criminal urbana sobre o preço dos imóveis residenciais na região da Tijuca, cidade do Rio de Janeiro, usando a metodologia de preços hedônicos. Foram utilizados dois modelos complementares, com amostras específicas distintas, para medir a segmentação do mercado imobiliário, o impacto gerado pelos crimes em diferentes regiões da cidade e a perda de valor dos imóveis residenciais pela proximidade de áreas de concentração do crime organizado. Os resultados encontrados, que devem ser considerados com cautela em função da natureza do estudo, confirmaram o que o senso comum indica e foram convergentes com os obtidos por outros estudos retratados na literatura internacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Detalhes do artigo

Como Citar
Junior, F. J. de L. C., & Lemme, C. F. (2005). O impacto da violência criminal urbana no preço dos imóveis residenciais na região da Tijuca, cidade do Rio de Janeiro: um estudo exploratório. Cadernos EBAPE.BR, 3(3), 1 a 15. Recuperado de https://periodicos.fgv.br/cadernosebape/article/view/4932
Seção
Artigos